Engenharia Mecatrônica


CURSO DE ENGENHARIA MECATRÔNICA

 

A meta do curso é formar Engenheiros Mecatrônicos com sólida formação tecnológica e características de DESENVOLVEDOR. Sob perfil DESENVOLVEDOR entende-se um profissional capaz de criar novos produtos a partir da síntese ou integração de diferentes tecnologias contemporâneas. Por DESENVOLVEDOR subentende-se, também, uma série de habilidades e posturas que deverão ser estimuladas ao longo do curso e, portanto, valorizadas em todas as disciplinas:

- postura pró-ativa, confiante e criativa;

- habilidade para organizar, planejar e se expressar;

- capacidade de liderança, para trabalhar em equipe e para raciocinar sobre uma sólida formação tecnológica.

A formação técnico-científica deverá garantir um sólido conhecimento das inter-relações técnicas e das conexões com o meio social e natural. Pretende-se formar um profissional com uma sólida base em mecânica e com conhecimentos equilibrados em eletrônica e informática para aplicação direta em sistemas mecatrônicos.

A formação de graduação do Engenheiro deve fornecer-lhe:

- uma compreensão holística dos fundamentos científicos, matemáticos e de engenharia, e a capacidade para aplicá-los criativamente em uma ampla variedade de problemas;

- conceber, projetar e analisar sistemas, produtos e processos;

- planejar, supervisionar, elaborar e coordenar projetos e serviços de Engenharia;

- o domínio de técnicas práticas e experimentais;

- forte capacidade de comunicação;

- proficiência na utilização da informática como ferramenta;

- capacidade de pensar na Engenharia em termos sociais, ambientais e políticos;

- familiaridade com práticas básicas e princípios da produção;

- comprometimento com o aprendizado contínuo.

O Engenheiro deve possuir uma sólida formação técnico-científica e profissional geral, que o capacite a absorver e desenvolver tecnologias, estimulando a sua atuação crítica e criativa na identificação e resolução de problemas, considerando os seus aspectos políticos, econômicos, sociais, ambientais e culturais, com visão ética humanística em atendimento a demandas da sociedade. Faz parte do perfil do egresso de um Curso de Engenharia, a ser garantido por seu Currículo, a postura de permanente busca da atualização profissional.

O profissional que se pretende formar, poderá trabalhar em equipes multidisciplinares (como líder ou membro) utilizando ferramentas computacionais atualizadas, otimizando diferentes ramos de atividade produtiva como o setor de siderurgia, mineração, metal - mecânico, automotivo, agro-industrial, alimentos, têxtil e o setor químico. Mais recentemente, a robótica e a automação passaram a influenciar também ambientes não industriais como hospitais, depósitos, escritórios e supermercados. Num futuro não muito distante esses profissionais encontrarão inserção nestes mercados não industriais.

 

  • Ver grade do curso