UFSJ desenvolve PDI participativo

Comitê gestor disponiliza site para ampliar informação e interação da comunidade

Como a UFSJ quer estar enquanto universidade daqui a cinco anos? O que pretendemos em termos acadêmicos (ensino, pesquisa e extensão) e em termos administrativos para o próximo quinquênio? Sobre essas e outras questões, a Universidade tem se debruçado nos últimos meses, enquanto elabora o seu Plano de Desenvolvimento Institucional, o PDI 2019-2023. A UFSJ, no processo de construção, reflete e elabora seu novo Plano de forma participativa, envolvendo todos os setores da comunidade universitária. A Comissão de Desenvolvimento do PDI está realizando audiências públicas nos campi e recebe contribuições de onde o dia a dia da UFSJ acontece, ou seja, junto à comunidade universitária.

 

Em termos institucionais, "o PDI é o documento que identifica a instituição no que diz respeito ao seu papel social, à sua filosofia de trabalho, às diretrizes pedagógicas que orientam suas ações, à sua estrutura organizacional e às atividades acadêmicas que desenvolve". Por consequência, "o Plano orienta o planejamento da instituição no período de sua abrangência, identificando as ações e atividades a serem desenvolvidas tanto no plano acadêmico quanto administrativo". Para o pró-reitor de Planejamento, professor Gustavo Melo, o Plano, na prática, significa nada além do que "uma perspectiva de futuro".


Quinquenal


Apesar de ser uma exigência legal, nas universidades federais, não existe um processo formal para se definir o desenvolvimento do Plano. A UFSJ optou por realizar um planejamento para os próximos cinco anos.

Cada instituição adota a sua metodologia e tem autonomia para realizá-lo. A atual Reitoria da UFSJ, que na sua proposta de campanha se comprometeu com ações participativas, optou por uma elaboração onde todos os "atores" da UFSJ tenham vez e voz. Além da estrutura da universidade, a proposta do PDI 2019-2023 é envolver todos os órgãos colegiados da UFSJ e também os setores que não são colegiados. "Estamos conclamando todo mundo a participar. Desta forma é a primeira vez que está acontecendo na UFSJ e acredito ser uma das primeiras experiências em nível das universidades brasileiras. Esse momento de fazer um plano envolvendo todos os atores", explica Melo.


Eixos temáticos


A metodologia do PDI da UFSJ recebeu aprovação do Conselho Universitário. Atualmente 17 grupos de trabalho (GT) discutem e preparam textos que estão divididas em três eixos temáticos: acadêmico, administrativo e estrutural. O primeiro eixo discute e formula proposições em áreas relacionadas ao meio acadêmico, como ensino, pesquisa e extensão, as chamadas atividades fim. O eixo administrativo reflete sobre questões administrativas como planejamento, orçamento, espaço físico e gestão de pessoas, enquanto o eixo estrutural trata de temas que interagem os dois eixos anteriores, como, por exemplo, comunicação interna e externa e internacionalização da UFSJ.

 

"A UFSJ de forma organizada está elaborando textos, explicitando objetivos, ações , indicadores e metas . Esses documentos vão respaldar a versão inicial do PDI. Essa proposta inicial vai passar por audiências públicas", explica Gustavo, acrescentando que tão logo os textos fiquem prontos, esses serão disponibilizados no site do PDI para que todos tenham acesso.

Após os ajustes e incorporações advindas das audiências, o texto final será novamente submetido ao Conselho Universitário, para parecer final.


Como se informar


Para Gustavo Melo, não pode haver planejamento sem participação da comunidade. Para tanto, o Comitê Gestor do PDI criou um site onde o usuário pode acompanhar toda a elaboração do PDI , se inteirar dos textos propostos, saber da agenda e ainda enviar sugestões. O endereço é www.ufsj.edu.br/pdi


Publicada em 07/12/2018
Fonte: ASCOM

 Voltar