Ambulatório de Cantoterapia está com inscrições abertas

Ficha pode ser preenchida até a data de início das atividades

Uma das formas de cura e empoderamento é por meio da voz. No Centro de Medicina Antroposófica de São João del-Rei, é possível unir o canto como expressão artística às suas potencialidades curativas e pedagógicas. Para os maiores de 15 anos que desejam experimentar a atividade, o Ambulatório de Cantoterapia são-joanense recebe inscrições para novas turmas até o dia 14 de março, quando as sessões têm início. 

A ficha de inscrição é uma espécie de anamnese, que analisa as principais aflições dos alunos a serem tratadas posteriormente por meio dos fonemas: “A respiração na medicina antroposófica é um centro curador. No ano passado, com a quantidade de casos de ansiedade e depressão, a cantoterapia foi uma forma de auxílio”, explica a cantoterapeuta e professora do curso de Teatro da UFSJ Juliana Monteiro. Para inscrever-se, é necessário comparecer ao Centro de Medicina Antroposófica de São João del-Rei, no bairro Tejuco, durante o horário comercial.

A cantoterapia é um processo terapêutico gradativo. De acordo com Juliana Monteiro, é necessário permanecer pelo menos em dez sessões para sentir melhor os resultados. Para se inscrever, é necessário comparecer ao Centro de Referência da Medicina Antroposófica, no Tijuco. Serão duas turmas de 13 vagas cada uma acompanhadas por Juliana e por Maria Cordelia, especializada em cantoterapia pela Escola Raphael de Canto & Desvendar da Voz.

O canto terapêutico

A Cantoterapia é uma das terapias complementares reconhecidas pela Associação Brasileira de Medicina Antroposófica e utiliza os elementos musicais para a promoção de autodesenvolvimento, reequilíbrio e manutenção do bem-estar e da saúde. Seus fundamentos foram desenvolvidos pela cantora Valborg Werbeck-Svardstrom e procura desenvolver a comunicação, integração e os funcionamentos cognitivos, afetivos e motores.

Suas inúmeras indicações abrangem os distúrbios da voz, da linguagem, da expressão e da comunicação, além do desenvolvimento infanto-juvenil, inflamações das vias respiratórias, transtornos alérgicos e crônicos, doenças degenerativas e auto-imunes, psicossomáticas e neuropsiquiátricas.

Em São João del-Rei, as atividades de cantoterapia tiveram início em 2017 com a parceria entre a Casa da Saúde, administrada pelo médico Paulo Maurício, e as cantoterapeutas Juliana Monteiro e Maria Cordelia.

Local dos atendimentos: Centro de Referência da Medicina Antroposófica - Casa da Saúde/SUS (Tejuco). Rua Ruth Neder Issa, 5.
Telefone: 3372-4381.
Atendimento coletivo: quintas-feiras, das 15h40h às 17h. 


Publicada em 12/03/2019
Fonte: ASCOM

 Voltar