O que acontece com os resíduos da Universidade?

No dia 5 de junho, celebra-se o Dia do Meio Ambiente. Em tempos de preocupação acirrada com os impactos ambientais, a UFSJ apresenta uma série de matérias especiais sobre o tema durante esta semana. Hoje, apresentamos o "Boletim Informativo Gestão de Resíduos", preparado pelo Núcleo de Meio Ambiente (Nuamb) da Pró-Reitoria de Administração (Proad). Confira:

Você já pensou para onde vão os resíduos produzidos numa universidade, sejam eles materiais de sala de aula, escritório ou até mesmo de laboratório? É aí que entra em campo a Gestão de Resíduos, que contribui não somente para o atendimento dos requisitos legais, mas também para a promoção da sustentabilidade ambiental a partir de ações e programas que objetivam a redução, reutilização e reciclagem de resíduos.

Para explicar melhor como é feito o gerenciamento de resíduos na UFSJ, o Núcleo de Meio Ambiente produziu o Boletim Informativo Gestão de Resíduos. A publicação traz informações sobre as ações e programas do Núcleo focadas no planejamento ambiental da instituição.

As ações de inventário do passivo e ativo ambiental de resíduos e posterior recolhimento, transporte, tratamento e destinação final por empresa licenciada, estão em curso pelo Nuamb desde o segundo semestre de 2017. Inicialmente foi realizado o levantamento quali-quantitativo do passivo ambiental dos campus de São João del-Rei. O Boletim especifica quais são as atividades geradoras de resíduos (pesquisa, ensino, administrativas e de extensão) e quais as classificações desses resíduos (biológicos, químicos, material perfurocortante e outros).

No total, já foram realizadas mais de 50 ações de gerenciamento de resíduos. Entre elas, os ecopontos são destacados pelo Boletim. O objetivo é propiciar à comunidade um local para descarte de óleo de cozinha usado, pilhas e baterias, para que sejam descartados sem promover danos à cidade e ao meio ambiente.

A publicação do Núcleo ressalta que o gerenciamento deve considerar a seguinte ordem de prioridade: não geração, redução, reutilização, reciclagem, tratamento dos resíduos sólidos e disposição final ambientalmente adequada dos rejeitos. A estratégia dos 3Rs, inclusive, será tema, ainda esta semana, de matéria especial a ser veiculada pelos meios de comunicação oficiais da UFSJ. Acompanhe! 

Baixe aqui o arquivo em pdf do Boletim


Publicada em 05/06/2019
Fonte: ASCOM

 Voltar