UFSJ inicia produção de álcool em gel em Divinópolis

A equipe de docentes, técnicos e estudantes da graduação do curso de Farmácia e das pós-graduações da UFSJ, no Campus Centro-Oeste Dona Lindu, em Divinópolis (cidade que registrou a primeira confirmação de Covid-19 em Minas), começou a produzir álcool em gel nos laboratórios da Universidade, para destinação inicial à Secretaria de Saúde do município. A iniciativa cumpre solicitação de apoio do Ministério da Educação às instituições federais de Ensino Superior no combate à pandemia do coronavírus SARS-CoV-2, de acordo com a expertise de produção de conhecimento de cada uma.

Segundo o professor Renê Oliveira do Couto, um dos membros da equipe, a perspectiva é de que sejam produzidos de 45 a 50 litros do produto por dia, com os insumos já presentes no Campus, até a chegada de novos recursos públicos para se manter no longo prazo. Para Renê, essa atividade extensionista "ressalta o papel da Universidade perante suas comunidades, ao mesmo tempo em que valoriza o conhecimento farmacêutico na cadeia produtiva da área de Saúde".

Trabalham em regime de turno 11 estudantes, 9 técnicos e 5 professores na linha de frente, mais os colaboradores, que não podem estar envolvidos diretamente na produção, pelas restrições atuais ao trabalho presencial. Uma das preocupações na montagem da equipe foi não expor os colaboradores a riscos. Assim, um dos critérios de seleção foi residir no entorno do Campus, para se evitar, por exemplo, o uso de transporte público.

Nesta terça, 24, ocorreu a entrega da primeira remessa de álcool líquido 70% e álcool gel 70% para as secretarias de Saúde de Divinópolis e de Carmo do Cajuru. Tais produtos se tornam domissaneantes naquela proporção; sua manufatura faz parte da grade curricular do curso de Farmácia. Com o incremento da fabricação, os laboratórios foram adaptados para atender às necessidades de prevenção decorrentes do surto da doença. O planejamento é atender, em breve, a outros municípios da macrorregião de Divinópolis e também São João del-Rei.


Publicada em 24/03/2020
Fonte: ASCOM

 Voltar