Profnit-UFSJ é destaque em avaliação nacional

O Mestrado Profissional em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação da UFSJ (Profnit) foi destaque na avaliação realizada pela Comissão Nacional do programa. Ao todo, três itens foram considerados de excelência: Nota dos discentes na avaliação nacional da disciplina de Metodologia Científica; Produção de livros e capítulos; e Adesão na autoavaliação de docentes. O desempenho rendeu ainda convite para participar como facilitador da II Oficina de Boas Práticas Profnit.

De acordo com o coordenador do programa, professor Cristiano Maciel Silva, o bom desempenho na disciplina Metodologia Científica se deve ao mérito conjunto de professores e estudantes que ministraram e participaram das aulas ativamente, alcançando uma alta pontuação. A disciplina foi ministrada pelos professores Anderson Oliveira Latini (Sete Lagoas), Eduardo Bento Pereira (São João del-Rei) e Dane Tadeu Cestarolli (Ouro Branco). Já a produção acadêmica dos docentes somou 143 publicações, entre artigos em periódicos, livros e capítulos, produções técnicas e trabalhos publicados em anais de conferências nacionais e internacionais. A participação de todos os professores na autoavaliação mostrou o comprometimento com o curso.

O professor Cristiano Maciel salienta que a Rede Profnit possui abrangência nacional, contando com 33 universidades e institutos, e, mesmo com poucos anos de criação, o curso da UFSJ se destacou entre as demais universidades. “Nossa primeira turma ainda irá se formar e já somos referência em âmbito nacional. A implantação do Profnit na UFSJ faz parte de um esforço para o fortalecimento da área de inovação tecnológica na instituição. Neste momento, no qual o curso se encontra implementado, partimos para a realização de ações voltadas a dar retorno à comunidade. É hora de colher os resultados do trabalho e contribuir para que novas realidades sejam traçadas, fazendo com que o Profnit passe a apoiar o desenvolvimento regional e de Minas Gerais.”

O programa
O PROFNIT® é um Programa de Pós-Graduação em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para a Inovação. O curso, stricto sensu, é dedicado a aprimorar a formação dos profissionais que atuam nas competências dos Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) e nos Ambientes Promotores de Inovação nos diversos setores acadêmico, empresarial, governamental e organizações sociais. O Mestrado Profissional é oferecido nacionalmente, compreendendo todas as regiões do Brasil, e foi recomendado com nota 4 pelo Conselho Técnico-Científico da Educação Superior (CTC-ES) da Capes.

Profnit na UFSJ
O programa da UFSJ recebeu a primeira turma em 2019, depois de um planejamento detalhado que buscou atender à realidade multicampi da instituição. Submetido à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-graduação (Prope), o curso é coordenado pela Rede Profnit, que promove uma padronização de conteúdo em âmbito nacional.

Atualmente, 40 alunos cursam o mestrado na UFSJ. O corpo docente é formado por 18 professores, com representantes de todas as cidades onde a Universidade possui campus. Entre os docentes, o programa conta com dois bolsistas de Produtividade Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora, um bolsista de Produtividade em Pesquisa e um bolsista de Extensão no País, com financiamento do CNPq.

Para com o professor Bezamat de Souza Neto, que participou ativamente da implantação do programa, a decisão de formar um corpo docente com representantes de todos os campi buscou enriquecer o curso em experiência e conteúdo. “A estrutura multicampi da UFSJ permitiu que fosse reunido um time de profissionais que, além do conhecimento acadêmico, trouxesse para a sala de aula a realidade das cidades onde lecionam. São João del-Rei, Divinópolis, Ouro Branco e Sete Lagoas são extremamente distintas em número de habitantes, atividades econômicas, entre outras características.”

O Profnit oferece 15 vagas a cada ciclo, sendo cinco reservadas a servidores da UFSJ. O professor Fabrício Molina de Mendonça, o primeiro coordenador do programa, destaca que hoje 22 técnicos administrativos da instituição cursam o Profnit, oportunidade profissional de aprimorar seus conhecimentos. “A comunidade Profnit da UFSJ é formada por 40 pessoas, entre alunos e professores, o que mostra a importância da temática estudada, que envolve a inter-relação entre empresas e universidades e a transferência de tecnologia.”

Participe da II Oficina de Boas Práticas
A II Oficina de Boas Práticas, que contará com a presença da UFSJ, está com inscrições abertas para os interessados em participar. O primeiro evento foi realizado nesta quarta-feira, 10 de março. Os encontros acontecerão, semanalmente, até 16 de junho, sempre às 14h. A participação da UFSJ será no mês de maio.

Durante as atividades, será promovida a interação entre os Pontos Focais e o compartilhamento de experiências bem-sucedidas, baseadas nos resultados da Autoavaliação da Rede Profnit, que analisou mais de 400 itens, em 2020. Mais informações podem ser obtidas neste link.


Publicada em 11/03/2021
Fonte: ASCOM

 Voltar