Estudo internacional disponível para estudantes da UFSJ

Até 9 de julho, está aberto, para todos os estudantes da UFSJ, o questionário on-line do estudo GUESSS Brasil, que visa mapear o grau de consolidação do empreendedorismo em universidades de todo o país. A fim de incentivar a participação na pesquisa, serão sorteados iPads e Kindles. Respondendo ao questionário, os alunos poderão aproveitar também as respostas para refletir sobre sua carreira profissional, considerando a possibilidade de empreender.

Inicialmente, o Global University Entrepreneurial Spirit Students’ Survey (GUESSS) foi realizado em 2003 por pesquisadores da Universidade St. Gallen, na Suíça. Em sua última edição (2019), a pesquisa se estendia a mais de 30 países. No Brasil, conta com a participação de mais de 60 instituições de Ensino Superior, das quais dezenas de milhares de estudantes colaboram com a coleta de dados.

Para o coordenador local do estudo na UFSJ, Pablo Luiz Martins, do Departamento de Ciências Administrativas e Contábeis (Decac), a pesquisa contribui substantivamente para o aperfeiçoamento da Educação Empreendedora no Brasil, ao identificar o grau de consolidação da cultura empreendedora em universidades de todo o país. “Não é à toa que a GUESSS Brasil já recebeu três prêmios internacionais por sua qualidade, e oferece, para universitários de todos os cursos, áreas e níveis de formação, conhecimento sobre educação, interesses da carreira e preparação para empreender.”

Atividade empreendedora
O GUESSS busca caracterizar o espírito, as atividades e as intenções empreendedoras de estudantes universitários, de todos os níveis, e em todos os cursos universitários das instituições de ensino participantes, bem como as condições de ensino e apoio a atividades empreendedoras dos estudantes em várias regiões do mundo.

Dessa forma, avalia as condições do ensino ligado ao empreendedorismo em diversas áreas de formação superior, da Matemática à Sociologia, da Medicina à Teologia, da Administração aos Estudos Internacionais, entre outras. Com comparativos nacionais e internacionais, o estudo pode ser utilizado para a melhoria de práticas e políticas, inclusive políticas públicas, visando ao aperfeiçoamento de competências e recursos das instituições parceiras, que se capacitam a preparar profissionais que, futuramente, possam se dedicar a algum tipo de iniciativa empreendedora.

Para conhecer mais sobre o estudo acesse: https://guesssbrasil.org/.


Publicada em 01/07/2021
Fonte: ASCOM

 Voltar