Série está disponível no canal da TV UFSJ

O Projeto Gota D'Água recebe propostas de parcerias com escolas, tanto de Minas Gerais como de outros estados, para apresentar, de forma lúdica e interativa, a diversidade microscópica presente nos ambientes de água doce. Neste momento, as atividades são realizadas em formato on-line, mas a equipe planeja retomar as ações presenciais em escolas do Campo das Vertentes quando houver segurança sanitária, a partir da diminuição da transmissão da covid-19 no país.

“As ações consistem em palestra introdutória, exibição da série Gota D'Água, seguida de roda de conversa. Nas ações presenciais, ainda temos a oficina de microscopia, suprimida nesse período de isolamento social”, informa o professor André Flávio Soares Ferreira Rodrigues, do Departamento de Ciências Naturais (Dcnat).

As ações remotas duram em torno de 50 minutos, mas podem ser adaptadas de acordo com a metodologia discutida com o professor responsável. Inicialmente previstas para os anos finais do Ensino Fundamental (6° ao 9° ano) e para o Ensino Médio, as atividades foram expandidas para o primeiro ciclo da alfabetização (1° ao 5°) e para outras modalidades de ensino.

Histórico
“O Gota D'Água teve sua origem nas primeiras edições do Programa Espaço Casa Verde, tornando-se projeto de extensão da UFSJ em 2018. O projeto tem como principal objetivo trabalhar a educação ambiental, com ênfase na importância do ecossistema microscópico de água doce”, comenta o docente.

Antes da pandemia, foram feitas visitas presenciais a escolas de sete municípios do Campo das Vertentes. “Em 2020, com a necessidade de isolamento e de buscar nas ações remotas o meio de manter o projeto, não nos limitamos mais ao entorno, e tivemos a oportunidade de levar ações a escolas de São João del-Rei e São Sebastião da Vitória, mas também em Ervália, Viçosa, em Minas, e Cruzeiro, no Estado de São Paulo”, informa André Rodrigues.

Equipe
Além do professor, a equipe é composta pela bolsista Maria Eduarda Fialho, do curso de Ciências Biológicas, e pela professora Luciana Beatriz, do Departamento de Arquitetura, Urbanismo e Artes Aplicadas. Quatro estudantes integraram o projeto, dois como bolsistas, dois como voluntários.

“A parceria com a professora Luciana permitiu que o projeto também utilizasse recursos artísticos como instrumento de popularização dos organismos microscópicos. Estamos trabalhando, inclusive, em uma exposição digital interativa, prevista para estrear ainda neste ano”, adianta.

Conteúdo
Confira o primeiro episódio, de um total de quatro, da série Gota D'Água, disponível no canal da TV UFSJ no Youtube. As ações do projeto podem ser acompanhadas ainda pelo Facebook. O e-mail para contato com a equipe é gotadagua.ufsj@gmail.com


Publicada em 02/07/2021
Fonte: ASCOM

 Voltar