Medicina CDB terá campo de prática em Bom Jardim de Minas

Publicada em 28/04/2022 - Fonte: ASCOM

Na perspectiva de ampliar o campo de prática para estudantes do curso de Medicina do Campus Dom Bosco, a UFSJ está viabilizando convênio com a Secretaria Municipal de Bom Jardim de Minas, que possibilitará a realização de estágios na rede pública de saúde da cidade.

A implementação do convênio, de acordo com o pró-reitor de Planejamento e Desenvolvimento da UFSJ, professor Renato Vieira, está na fase de credenciamento, quando as instituições de saúde locais se habilitam junto ao Ministério da Educação para realizar as ações previstas.

A cidade de Bom Jardim de Minas fica a 140 km de São João del-Rei e possui população em torno de 6.500 habitantes. Sua rede pública de saúde inclui um PSF e o Hospital Municipal Dr. Armando Ribeiro, que atende também aos municípios de Liberdade, Passa Vinte, Bocaina de Minas e Santa Rita do Jacutinga.

A demanda partiu do município, que sofre com a carência de profissionais. Logo após a manifestação formal, o reitor da UFSJ, professor Marcelo Andrade, e a assessora de Relações Institucionais e Corporativas, Luciene Tófoli, estiveram em Bom Jardim, quando se reuniram com o prefeito, Joaquim Laércio Rodrigues, e a secretária municipal de Saúde, Andreza Helena Gomes Almeida. Segundo ela, a demanda é grande e o convênio busca ampliar a qualidade dos serviços à população regional. “Atendemos à população desses municípios vizinhos. Além do hospital, temos o PSF, que é uma unidade do Samu e fica próximo à BR 267, recebendo os pacientes que se acidentam na estrada”, explica a secretária.

Boas perspectivas
Após o encontro, o coordenador do curso de Medicina, professor Joel Lamounier, visitou o hospital local e o PSF e voltou entusiasmado tanto com a vontade do município em viabilizar o convênio quanto com as condições de trabalho nas unidades de saúde. “É um hospital bem-estruturado e um PSF que oferecem ótimas condições para se realizar o estágio com qualidade, que é a nossa preocupação constante”, revela o coordenador. Ele explica que os alunos que forem estagiar em Bom Jardim, vão encontrar uma realidade de cidade do interior, muito parecida com o cotidiano dos locais onde atuarão futuramente como profissionais.

Outra vantagem apontada por Joel é que os alunos terão acompanhamento de preceptores, que são os “médicos orientadores” do estágio, numa média de quatro estudantes por preceptor. O coordenador estima que o futuro campo de prática poderá comportar de 10 a 20 alunos em sistema de rodízio. Pelo acordo, a Prefeitura oferecerá hospedagem e alimentação aos estudantes, enquanto a UFSJ arcará com os custos de transporte.

Compromisso social
Atualmente, além de São João del-Rei, os estudantes de Medicina do Campus Bosco realizam estágios em unidades de saúde dos municípios de Barbacena, Oliveira e Barroso, onde realizam atividades supervisionadas de urgência e emergência, pequenas cirurgias e Medicina da Família. “Ampliar esse atendimento reforça o compromisso social da universidade pública junto à população da região”, comenta Joel.

 

Na foto, o prefeito Laércio Rodrigues; o Prof. Joel Lamounier; a secretária Andreza Helena e o vice-prefeito, José Francisco