Boletim nº 536 - 16 de abril de 2021


1 - UFSJ reúne fórum de entidades para combater a fome durante a pandemia de Covid-19

 
A UFSJ, em conjunto com outras instituições de ensino superior, movimentos sociais, sindicatos e sociedade civil, está lançando uma campanha para tentar amenizar a crise social, agravada pela pandemia de Covid-19, que aumentou drasticamente o número de pessoas em vulnerabilidade socioeconômica e insegurança alimentar, devido à perda de empregos ou da renda familiar reduzida. O fato é que aumentou, exponencialmente, o número de famílias enquadradas nos níveis de “pobreza” ou “pobreza extrema”. 
 
O objetivo neste momento é aglutinar as entidades que já estão inseridas em programas de assistência, além de estimular que todos, tanto da comunidade interna da UFSJ, quanto externa, participem e façam doações. Com isso esperamos ampliar o atendimento destinado àqueles que mais necessitam.
 
A UFSJ está presente em quatro cidades e em todas, já estamos nos organizando junto à sociedade civil para este enfrentamento. No momento, estamos buscando parceiros, fazendo levantamentos e preparando o lançamento da campanha. Sugerimos a doação de alimentos não perecíveis, itens de higiene e recursos financeiros a entidades que tenham essa forma de captação de recurso.
 
Em breve, divulgaremos diversas formas que podem ser utilizadas para todos participarem.
 
Reitoria - Universidade Federal de São João del-Rei
 

2 - Sedip orienta sobre autorizações de diárias e passagens

 
O Setor de Gestão de Diárias e Passagens (Sedip) informa que, com a publicação da Portaria/UFSJ nº 04/2021, de 13 de abril de 2021, algumas autorizações relacionadas à concessão de diárias e passagens sofreram alterações quanto ao responsável pela aprovação.
 
Dessa forma, de acordo com o artigo 6º da referida Portaria, os formulários das Propostas de Concessão de Diárias e Passagens (PCDPs) que demandam autorização do perfil de Autoridade Superior devem ser assinadas pelo pró-reitor de Planejamento e Desenvolvimento (PPlan).
 
Em relação à autorização quanto ao perfil de Proponente, cada Pró-Reitoria deverá aprovar as PCDPs de suas unidades vinculadas. E, no caso das demais unidades diretamente subordinadas à Reitoria, caberá à PPlan a autorização das respectivas PCDPs, enquanto perfil de Proponente, em consonância ao art. 28 da Resolução/Condi nº 07/2020, que regulamenta o processo de concessão de diárias e passagens na UFSJ.
 
Recomenda-se a leitura da Portaria/UFSJ nº 4/2021 e da Resolução/Condi nº 07/2020
 
Dúvidas devem ser encaminhadas para o e-mail sedip@ufsj.edu.br
 
 

3 - Palestra debate implantação das DCNs nas Engenharias

 
A palestra DCNs das Engenharias: implementação, desafios e perspectivas, tem como ministrante o professor Vanderli Fava de Oliveira, titular convidado da UFJF, presidente eleito da Associação Brasileira de Educação em Engenharia (Abenge) e avaliador de cursos e de instituições do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/MEC). O professor fala a docentes e discentes das 11 graduações em Engenharia da UFSJ nesta sexta (16/4), às 16h, em evento transmitido pelo canal da TV UFSJ no YouTube.
 
Quem promove é a Comissão para Implantação das Novas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) das Engenharias na UFSJ, formada pelo pró-reitor adjunto de Ensino de Graduação, Vicente de Paula Leão, e todos os coordenadores das Engenharias.
 
A palestra tem como objetivo assessorar os coordenadores de curso nesse processo de implantação das novas diretrizes. O professor Silvan Antônio Flávio, do Departamento de Engenharia Elétrica da UFSJ, aponta a importância dessa mudança: “As novas DCNs das Engenharias foram publicadas em 26 de abril de 2019, e os cursos têm até 26 de abril de 2022 para sua implantação. Trata-se de uma renovação na formação dos futuros engenheiros do país, no sentido de aproximar os egressos das demandas do mercado de trabalho.”
 
Alterações importantes
Formação por competências: entre as habilidades e competências esperadas estão visão holística, atuação inovadora e empreendedora, além de criatividade na hora de resolver problemas da área. A proposta é que as instituições de Ensino Superior formem profissionais mais completos, dotados tanto de capacidades técnicas quanto de aptidões humanísticas.
 
Currículo mais flexível: na antiga DNC, os conteúdos básicos deveriam ocupar 30% da carga horária mínima e, conteúdos profissionalizantes, 15%. Nas novas DCNs, não há mais a obrigatoriedade de uma porcentagem. Cada curso pode balancear matérias como melhor entender, desde que não exclua conteúdos básicos, profissionais e específicos.
 
Mais foco na prática: passam a ser obrigatórias as atividades de laboratório, tanto para as competências gerais quanto para as específicas. A solução otimiza o tempo do aluno, que chega ao mercado mais preparado para extrair o melhor das atividades no ambiente real.
 
Aprendizagem ativa: segundo as novas DCNs, a intenção é “promover uma educação mais centrada no aluno”, isto é, a autonomia será uma das formas de aprendizado contínuo na carreira dos futuros profissionais.
 
Avaliação formativa: as avaliações devem ter caráter de reforço ao aprendizado. O modelo ocorre ao longo do período de ensino para que o aluno tenha a oportunidade de crescer com a avaliação.
 
 

4 - MPB e poesia em live do Dmusi

 
Poesia e crônicas cantadas é o título da primeira live virtual a ser apresentada pelo curso de Canto Popular, do Departamento de Música da UFSJ (Dmusi). Ao longo da apresentação, que começará às 20h desta sexta-feira (16/4), os estudantes vão apresentar seus trabalhos de conclusão de curso no YouTube. A professora Valéria Braga orientou a produção, sugeriu o repertório, coordenou os ensaios, acolhendo as preferências de cada um, a partir das características vocais, do perfil e do gosto musical dos alunos.
 
A proposta, segundo Valéria, foi produzir uma live com repertório da MPB cujo destaque estivesse nas letras das canções, mais que nas melodias. Para isso, os alunos partiram de uma pesquisa, que contou com a participação da professora Maria Ângela Resende (Delac), que colaborou no embasamento teórico.
 
“Nesse período de isolamento, cada um teve que usar sua criatividade e os recursos de que dispunham para as filmagens, o que exigiu grande dedicação”, esclarece Valéria. “Por outro lado, além de proporcionar o crescimento dos alunos como cantores, trouxe importantes acréscimos no domínio de técnicas de audiovisual, tão essenciais aos artistas hoje em dia”, acrescenta.
 
No repertório desta noite, músicas de grandes nomes, como Milton Nascimento, Caetano Veloso e Chico Buarque de Hollanda, entre outros. A apresentação continuará disponível a partir do seu lançamento.
 
 

5 - [Colabore com a Pesquisa] Estudo realiza inventário sobre temperamento e caráter da população brasileira

 
Confira abaixo pedido de colaboração encaminhando por pesquisadores da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). 
 
"Boa Tarde!
 
Sou Jovana Serra, mestranda em Psicologia pela PUCRS e estou atuando em um projeto coordenado pela Prof. Dra. Adriane Xavier Arteche da Pontifícia Universidade Católica do RS para validar um instrumento de Personalidade para a população brasileira. O título do estudo é "Inventário de Temperamento e Caráter: Evidências de Validade da Versão Brasileira" e foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa (CAAE: 40968820.5.0000.5336).
     
Precisamos de pessoas de todas as regiões do Brasil para responder a essa pesquisa, para que ela realmente traduza as diversas realidades do Brasil. No momento, estamos precisando de respondentes da região Sudeste. Por essa razão, gostaríamos de solicitar à UFSJ a gentileza de divulgar nossa pesquisa entre seus profissionais e alunos ou entre outros grupos da região. Desde já, nós agradecemos muito a sua atenção.
 
A participação é totalmente online e convido vocês para participarem pelo link: