SINAC - Setor de Inclusão e Assuntos Comunitários


Chefe: Orisvaldo Antônio da Silva

Telefone: (32) 3379-2501

E-mail: sinac@ufsj.edu.br

 

Atribuições do SINAC

 

  1. Realizar anualmente, na primeira quinzena de setembro, o “SINES-Seminário Inclusão no Ensino Superior”. No decorrer do ano também poderão ser propostos, realizados e/ou apoiados, se necessário, cursos e encontros sobre inclusão de pessoas com deficiência;
  2. realizar a recepção e acompanhamento de discentes na UFSJ. Realizar a recepção dos discentes com deficiência da UFSJ e fazer um acompanhamento com os mesmos. O acompanhamento ocorrerá com uma entrevista inicial (anexo I), que deverá ser obrigatoriamente presencial, seguindo-se de entrevistas bimestrais no primeiro ano de graduação, podendo ser presenciais ou por telefone, dependendo da escolha do discente. No último mês letivo do primeiro semestre de faculdade, deverá ser aplicado o questionário de barreiras à acessibilidade (anexo II), para verificar a percepção sobre as facilidades e dificuldades de acesso e permanência na Universidade. No segundo ano do curso, as entrevistas serão semestrais. E no terceiro, anuais. Ressalta-se que dependendo da demanda de cada aluno, o número das entrevistas podem aumentar.
  3. realizar treinamento de Integração no primeiro mês de ingresso dos alunos com deficiência, em cada semestre letivo, contemplando informações sobre os trabalhos desenvolvidos no SINAC, informações úteis sobre a Universidade, principalmente relacionadas à acessibilidade, e atividades de criação de vínculos entre as pessoas com deficiência ingressantes e as que já estudam na Universidade.
  4. gerir as Salas de Recursos para os discentes da UFSJ e para a comunidade externa, em parceria com os professores do NACE;
  5.  apoiar os projetos de extensão e pesquisa relacionados à inclusão e ao desenvolvimento de tecnologias assistivas;
  6. incentivar as publicações de pesquisas, práticas e experiências sobre a inclusão realizadas na Universidade;
  7. apoiar, desenvolver e/ou estimular a realização de atividades paraolímpicas na Universidade;
  8. acompanhar as atividades monitores do Programa INCLUIR/MEC, supervisionados pelos professores do NACE, a partir da apresentação de relatórios das atividades realizadas;
  9. gerir e aplicar os recursos do Programa INCLUIR/MEC, com base no Plano de Ação elaborado no ano corrente. Para a confecção do mesmo, serão convidados membros do SINAC, NACE, Núcleo de Robótica e Tecnologias Assistivas;
  10. coordenar e acompanhar as atividades dos Intérpretes de Libras contratados pela Universidade;    
  11. emitir anualmente um relatório de atividades para a reitoria, ações e resultados concretizados, podendo ser publicado também do site da Universidade;
  12. manter a assessoria de um psicólogo e/ou bolsista do curso de psicologia na realização das rotinas do setor;
  13. os demais procedimentos e ações não citados neste manual podem ser encontradas no Regimento do SINAC.

 

Para que estes procedimentos fossem elencados, foram realizadas entrevistas com pessoas com deficiência, bem como aplicação de questionários sobre as barreiras presentes na UFSJ. Desse modo, a percepção destes, sobre o que é necessário para que a Universidade seja acessível a todos, foram conferidas e consideradas na elaboração das atribuições apresentadas acima.

 

 

Maiores Informações